Polipiso do Brasil

A IMPORTÂNCIA DO PISO PARA INDÚSTRIAS DE ALIMENTOS

Com relevância ao tema PISO PARA INDÚSTRIA DE ALIMENTOS, podemos considerar que o fator piso tem alto grau de importância tanto para o escoamento da produção e indiretamente na qualidade final do produto.

AS NORMAS DA ANVISA NO QUE DIZ RESPEITO AO PISO PARA INDÚSTRIA DE ALIMENTOS

De acordo com a ANVISA, resolução RDC 216, as instalações físicas como o piso para indústria de alimentos, deve possuir revestimento liso, impermeável e lavável. Devendo ser mantido íntegro, conservado, livres de rachaduras, trincas, goteiras, vazamentos, infiltrações, bolores, descascamentos, dentre outros e não deve transmitir contaminantes aos alimentos.

Contextualizando as considerações da ANVISA com referência ao piso para indústria de alimentos:
Resistência ao tráfego;
Resistência aos impactos gerados pela manipulação de caixas e paletes;
Redução dos pontos críticos de contaminação, tais como juntas e cantos vivos;
Baixa porosidade, fácil limpeza e higienização;
Resistência química a ácidos orgânicos e inorgânicos; 
Resistência térmica.

A Polipiso do Brasil está presente há mais de 28 anos no mercado, vem atendendo algumas das maiores indústrias de alimentos (Sadia, Perdigão, Fischer, Catupiry, etc). Participando integralmente dos processos de modernização do piso para a indústria de alimentos e modificando a utilização dos antigos pisos cerâmicos antiácidos, os tradicionais concretos e revestimentos epóxi, pela linha de resina uretana (LINHA ENDURIT) também conhecida no mercado como poliuretano vegetal.

Considerando o segmento de piso para indústria de alimentos, a linha Endurit tem características ideais que o atenda, pois ela contempla uma alta resistência física aliada a sua resistência química, contendo em sua formulação ativo microbiano que controla a proliferação de fungos e bactérias.

Solicitar Orçamento